Sistema integrado para gestão pública

PRODUTOS

Admin

ARRECADAÇÃO

Admin

3. SISTEMA INTEGRADO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA

A Nota Fiscal Eletrônica registra e guarda de modo eletrônico um documento que comprova uma prestação de serviços feita entre duas pessoas ou empresas, com o objetivo de permitir o recolhimento de impostos. A validade do documento é comprovada por uma assinatura digital do remetente e pelo receptor do mesmo, a Administração Tributária, antes do ato da prestação de serviço ser efetivamente concretizada.

Consultar e imprimir débitos do cadastro Imobiliário e Tributos Diversos;

Validar certidões recebidas;

Validar NFS-e recebidas;

Downloads de softwares, manuais e documentos úteis;

Acesso restrito ao cadastro Econômico;

Consultar e imprimir débitos do cadastro Econômico;

Emitir a Situação Fiscal das empresas, visando informar a falta de cadastro dos sócios, declaração mensal, tipo de iss enquadrada e outros;

Emitir Certidões;

Emitir Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e);

Cancelar NFS-e;

Consultar NFS-e;

Gerar DAM para pagamento do ISSQN referente as NFS-e;

Intimação Fiscal Eletrônica de Débitos;

Conta Corrente de NFS-e;

Emitir o Livro de Registro de serviços prestados NFS-e;

Solicitar Autorização para emitir RPS;

Importar RPS convertendo para NFS-e;

Obter o código de acesso para utilização do RPS;

Consultar o movimento pendente de geração de DAM;

Consultar os dados cadastrais da empresa;

Configurar a emissão de NFS-e;

Consultar notas recebidas;

Alterar senha;

Cadastrar Usuários com seus devidos acessos;

Exportar Dados da NFS-e para sistemas de terceiros em leiaute padrão;

Redução do tempo despendido com a presença de Contribuintes e Contadores nas instalações da Prefeitura;

Redução do tempo despendido com a presença de auditores fiscais nas instalações do contribuinte;

Simplificação e agilização dos procedimentos sujeitos ao controle da administração tributária;

Redução do envolvimento involuntário em práticas fraudulentas, visto que os documentos fiscais e contábeis estariam armazenados em bases seguras da administração pública, o que permitiria a utilização como meio idôneo de prova;

Uniformização das informações que o contribuinte presta à Prefeitura;

Redução dos custos de confecção de talonário de notas fiscais e/ou de sua impressão;

Incentivo a uso de relacionamentos eletrônicos entre Prefeitura / Prestadores / Tomadores;

Maiores recursos de gerenciamento das notas fiscais emitidas e recebidas;

Eliminação de erros de cálculo e de preenchimento de documentos de arrecadação;

Impressão do Livro de Prestação de Serviços, no portal da NFS-e;

Dispensa na Declaração Eletrônica de Serviços Prestados (ISS Eletrônico);

Possibilidade de troca de informações entre o sistema do contribuinte e o Portal a partir de um layout padrão, eliminando a necessidade de dupla digitação das informações.